Sintomas

Aprenda a diferenciar os tipos de Colesterol

O colesterol é o componente estrutural das membranas celulares em nosso corpo. Trata-se de um tipo de gordura (lipídio) essencial para o nosso organismo. Ele está presente no cérebro, nos nervos, nos músculos, na pele, no fígado, nos intestinos e no coração. Existem dois tipos de colesterol: bom e ruim.

TIPOS DE COLESTEROL

tipos-de-colesterolO colesterol é transportado pelas proteínas e a esta combinação damos o nome de lipoproteínas. Assim são formados o colesterol bom e o colesterol ruim. Muitas são as funções do colesterol como a manutenção do funcionamento celular, a absorção de vitaminas lipossolúveis e a produção de alguns hormônios.  Da totalidade de colesterol, aproximadamente 70% é produzido no próprio organismo e 30% é produto da nossa alimentação.

Como já dissemos, existem dois tipos de colesterol: o HDL e o LDL. O HDL é conhecido como o “colesterol bom”.  O HDL ou lipoproteína de alta densidade é responsável pelo transporte de gordura do ateroma dentro das artérias para o fígado que é responsável por eliminá-la.  Em resumo: o HDL faz bem ao coração por retirar a gordura das artérias.

níveis-adequados-de-colesterolO LDL, o famoso “colesterol ruim”, ou lipoproteína de baixa densidade, transporta o colesterol das células que mais produzem do que usam para as células que mais necessitam. A relação entre o alto índice de LDL e a existência de doenças cardiovasculares o torna considerado ruim. O aumento dos níveis de colesterol na corrente sanguínea é uma complicação silenciosa que não apresenta sintomas. Muitas vezes o problema é descoberto através de exame de sangue ou quando se apresenta na forma mais grave como a ocorrência de ataque cardíaco.

COMO DIFERENCIAR O COLESTEROL BOM DO RUIM

O conhecimento popular já nos diz que é melhor prevenir do que remediar. Por isso, é importante estar em dia com os exames médico. Procure regularmente seu médico ainda que não apresente quaisquer sintomas. Faça exames para controlar os níveis de colesterol.

como-prevenir-colesterolComo já dito, o colesterol bom auxilia na proteção do organismo, transportando o colesterol ruim (LDL) depositado nos vasos sanguíneos e outras partes do corpo direto para o fígado, onde será excretado. Já o colesterol ruim, que circula na corrente sanguínea e está presente em outras partes do corpo pode ocasionar derrames, infartos e outros problemas cardiovasculares. A principal diferença entre eles é que o colesterol bom (HDL) elimina o colesterol ruim enquanto este permanece nos vasos sanguíneos e em outras partes do corpo. O colesterol ruim pode estar ligado a vários fatores como: má alimentação, obesidade, tabagismo, diabetes, hipertensão arterial, histórico familiar e sedentarismo. Portanto, caso já seja constatada alta taxa de LDL na corrente sanguínea, há algumas medidas que você deverá tomar. São atitudes simples, baseadas em pequenas mudanças de hábito, mas que podem melhorar bastante a sua qualidade de vida. Como por exemplo, a redução do consumo de alimentos ricos em colesterol; a ingestão de alimentos saudáveis; a prática de exercícios físicos regulares, visando à manutenção do peso ideal; a preferência por alimentos com baixo teor de gordura saturada e ausente de gordura trans, aquelas formadas durante o processo de hidrogenação industrial, que transforma óleos vegetais líquidos em gordura sólida; a redução radical do consumo de açúcar; a eliminação do cigarro; a eliminação de frituras e a tentativa de eliminar o estresse.

 

 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.