Remedios Para

As melhores técnicas contra a ansiedade

sinais-de-ansiedadeMilhões de pessoas em todo o mundo são afetadas por esse mecanismo de defesa que antecipa o possível perigo e que nos faz agir de forma diferente. Estamos falando da ansiedade. E é fundamental tratá-lo de forma profissional e também através de técnicas contra as suas características. Neste artigo, oferecemos algumas técnicas bem eficazes.

O exercício físico é uma das melhores alternativas para minimizar a ansiedade e descarregar as tensões de cada vez que favorecemos a produção de serotonina.

Dicas para reduzir a ansiedade

Como primeira medida, é fundamental aceitar os sintomas e familiarizar-se com eles. Isso não é tão simples, mas muito importante. É necessário reter um instante, e “observar” a sua ansiedade e em que momento ela surge? Quando ocorre com maior intensidade? O que desaparece? Quando você se sentir ansioso e achar que esse problema está te dominando, recomendamos que você realize as seguintes técnicas:

1 – Não vá contra a corrente

Atividades-ao-ar-livreVocê deve concordar e reconhecer a sua ansiedade. De nada adianta lutar contra os sintomas. Você tem que enfrentá-lo. Não minta para si mesmo, nem tente esconder a verdade. Tenha confiança, e acredite que muito em breve você vai se sentir melhor.

2 – Aprenda sobre a sua condição

É importante saber que a ansiedade se apresenta de forma inesperada e, embora não exista um perigo real, interpretamos erroneamente a situação. Entre os sintomas mais frequentes que podemos encontrar:

  • Incapacidade de controlar o medo ou a incerteza
  • Transpiração excessiva
  • Respiração e batimentos cardíacos acelerados
  • Dor de cabeça
  • Secura na boca

3 – Sinta-se confortável

Pensa na crise de ansiedade, como se fosse uma tempestade. A primeira coisa que fazemos numa situação de chuva forte, é tentar nos protejer para não molharmos não é mesmo? Com as crises de ansiedade acontece o mesmo. Quando seus níveis de ansiedade estão muito altos você deve deixar tudo o que está fazendo, levantar de seu assento, tirar os sapatos e fazer o possível para estar o mais confortável possível. Você pode fechar os olhos e regular sua respiração, para que o corpo entenda que não existe nenhum perigo.

4 – Faça exercício

exercícios-físicosDe acordo com um estudo realizado à pouco, a atividade física tem efeitos positivos sobre a ansiedade e os problemas emocionais. O exercício permite diminuir a ansiedade e descarregar as tensões que nos levam aos seus principais sintomas. Procurando algo para fazer que envolva movimento: Algumas opções são: andar, nadar, andar de bicicleta ou praticar boxe e dançar. São alternativas muito mais saudáveis para diminuir a ansiedade.

5 – Tenha pensamentos realistas, contudo, positivos

O que faz você se sentir ansioso? Quais são os pensamentos que te rodeia? Se você mantiver uma atitude positiva e se concentrar nas boas idéias a pouco, a ansiedade irá aplacando. É ver cada situação a partir de um ângulo diferente e sentir menos estresse. Ao basear-se em pensamentos realistas nos damos conta de que a vida não é um exame ou uma apresentação, onde será julgado por seus atos. Olhe para as coisas, encontrando o “lado bom” ou como o “copo meio cheio“. Deixa de lado os pensamentos que te angustian e te limitam.

6 – Faça aquilo que te faça sentir bem

ler-um-bom-livroSe você não gosta de fazer exercício, não há problema, já que existem centenas de atividades que podem reduzir sua ansiedade. Por exemplo, você pode:

  • Ler um livro,
  • Assistir a um filme
  • Desenhos animados,
  • Tomar um chá,
  • Jogar com os seus filhos (Caça- palavras e palavras cruzadas são algumas válidas sugestões).
  • Planejar uma viagem,
  • Ouvir uma boa música
  • Tomar um banho relaxante (Se tiver uma banheira é ainda melhor).

Qualquer coisa que sirva para distraí-lo é bem-vinda.

7 – Não tires conclusões precipitadas de nada!

controlar-a-ansiedadeAquelas pessoas que são altamente ansiosas tendem a tirar conclusões com base em poucos dados e informações. Por exemplo, ao olhar para as expressões faciais dos outros. Estas deduções podem estar relacionadas às suas experiências anteriores.

É dizer que, se você está sofrendo de ansiedade é mais provável que se apresse e tirar conclusões nem sempre bem sucedidas. Melhor esperar e analisar bem a situação antes de dar um veredito.

8 – Trabalhar a respiração

Quando o ar penetra lentamente pelo nariz e se mantém alguns segundos nos pulmões, antes de sair com muita pausa, o corpo relaxa. Muito mais ainda, se você fechar os olhos. Faça o teste e você verá como os batimentos do coração se equilibram, se parar a sudorese das mãos ou a sensação de asfixia, tenha certeza, que só respirar com consciência, é um grande passo!

 

9 – Faça Meditação

meditaçãoJá que você já aprendeu como respirar para reduzir a ansiedade, o próximo passo é praticar a meditação. Esta filosofia ancestral é muito benéfica. Com meia hora por dia (por exemplo, ao acordar ou antes de deitar) pode-se erradicar o estresse e os nervos. A meditação não é sentar-se em posição de lótus e fechar os olhos, mas sim treinar a mente para você aproveitar os benefícios desta prática em todo momento e lugar. Além disso, seria bom que realizases técnicas de relaxamento para melhorar a ansiedade. O melhor de tudo é que seus efeitos são de longa duração. Coloque uma música instrumental, acenda uma vela e um incenso. Escolha uma posição confortável, seja na cama ou no sofá e feche os olhos. Concentre-se nos sons e aromas. Aos poucos você vai ver como você se sente mais sereno.

11 – Siga uma dieta saudável

As frituras, os doces e farinhas, assim como o álcool ou o café, podem ter incidência em seus quadros de ansiedade. Já que somos o que comemos e bebemos, melhor seria que prestássemos mais atenção aos alimentos e bebidas que vamos oferecer ao nosso organismo. As frutas e vegetais possuem muitos nutrientes bons para a mente e o corpo. Opte por um suco de laranja para substituir o café a cada manhã, ou uma salada ao invés de um hambúrguer. Você vai se sentir melhor e mais tranquilo com o seu corpo e com a sua mente.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.