Dicas de Beleza Dor de

Calcinha pós-parto – Absorvente descartável. Como usar?

calcinhas-pós-partoChegou a hora de nascer o bebê, e nesta hora é muito importantes estar com a mala feita com todos os itens necessários. Um desses itens é a calcinha pós-parto que ajuda a absorver os líquidos que seguem soltos por alguns dias, com mais intensidade na primeira semana. O uso da calcinha é feito para substituir os absorventes noturnos, que no geral são mais desconfortáveis.

Encontradas em diversos modelos, existem os tipos que também funcionam bem como cintas que contribuirão para evitar a flacidez da pele que passou por um longo período de estiramento. Deve-se fazer o uso desse ítem, independente do tipo de parto, para evitar além da flacidez, o aparecimento das estrias.

Qual calcinha pós-parto é a melhor?

calcinha-pós-partoNa hora da escolha, você deve estar atenta ao material, assim como as costuras e acabamentos das mesmas. Materiais sintéticos não são as melhores opções, já que expõem a pessoa ao risco de alergias e irritações na pele, assim sendo, opte então por aquelas que possuírem maior porcentagem de algodão em sua composição.

Embora confortáveis os modelos cavados são menos indicados, mas se a preferência da pessoa for por este, ela deve escolher um tamanho acima do que usaria normalmente. O conforto é indispensável nestes primeiros dias após o parto.

Em termos de maior conforto, a melhor opção são as calcinhas pós-parto sem costura. As chances de irritação e alergias são bem menores neste caso.

A calcinha absorvente

Existem dois tipos de calcinhas pós-parto, sendo um dos tipos, um modelo maior onde é mais fácil adaptar os absorventes maiores. Nos três ou quatro primeiros dias, este é o modelo mais indicado porque é quando o fluxo está mais acentuado. Esse fluxo tende a ser ainda maior quando o nascimento acontece através do parto normal.

A calcinha de compressão

modelos-de-calcinhaComo dito no próprio nome, este é o modelo de calcinha, utilizado para comprimir a região do abdominal. Funciona como uma cinta mesmo, porém com menor intensidade de pressão, já que inclui a região genital. Ela comprime, mas não causa desconforto.

Após o parto é normal que se tenha a sensação de que todos os órgãos estão fora do lugar, mas a compressão deve ser média para que durante o primeiro mês e a mãe não passe por tanto desconforto. É importante não deixar de usar.

O uso correto das cintas e calcinhas ajudam a controlar e evitar a flacidez da pele, sendo possível evitar as estrias. Além disso, elas auxiliam os órgãos em sua reorganização interna. De todas as maneiras, a recomendação médica é atenção na escolha da cinta e calcinha certa para que não sejam apertadas em excesso, porque além do desconforto, pode haver complicações na recuperação, com relação aos pontos que devem e precisam respirar para secarem naturalmente e não se inflamarem.

Preço médio

evita-a-flacidezPreço de vestuário varia bastante, e no caso das calcinhas pós-parto não é diferente. Os preços podem variar de acordo com a marca, modelo, fabricante e região, mas a média segue entre R$ 30,00 e R$ 100,00. No geral, este tipo de peça não é encontrado em todas as cores, apenas nas cores mais básicas como bege (cor de pele) preto, cinza, branco e roxo. Por se tratar de uma peça que poderá se manchar, é aconselhável que você prefira cores mais neutras e que lave assim que perceber que houve algum vazamento.

Tente acertar na escolha do tamanho e garanta uma recuperação pós-parto mais agradável e confortável. Use calcinhas e cintas na medida certa.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.