Remedios Para

Como se Prevenir contra as Infecções Parasitárias?

exame-de-fezesAs doenças parasitárias são doenças causadas pela infestação de parasitas. Muito comuns em países africanos e no sul asiático, Elas acontecem com frequência em crianças. Os parasitas são adeptos a qualquer ambiente, sobretudo, prosperam com mais facilidade em ambientes com clima quente e úmido. A construção de estações de tratamento de água, assim como a criação de esgotos, podem amenizar a reprodução do mosquito transmissor de algumas destas doenças. Também existem medicamentos para tratar e se prevenir contra esses parasitas.

O Remédio mais utilizado

 A ivermectina é uma substância vermífuga e antiparasitária, utilizada no combate de verminoses. Sua atuação elimina e paralisa diferentes tipos de vermes, responsáveis por causar doenças parasitária . Essas doenças infecciosas são causadas por diversos tipos de parasitas, como os protozoários, metazoário, vermes ou insetos.

Porque-usar-ivermectinaA ivermectina é recomendada para o combate das seguintes doenças:

  • Estrongiloidíase Intestinal: Esta doença é causada pelo parasita Strongyloidesstercoralis;
  • Inocercose: Esta doença é ocasionada pela presença do parasita Onchocercavolvulus no organismo;
  • Filariose ou Elefantíase: Esta doença é provocada pelo parasita Wuchereriabancrofti;
  • Ascaridíase ou Lombriga: Esta doença é ocasionada pelo parasita Ascaris Lumbricoides;
  • Aecabiose ou Sarna: Esta doença é provocada pelo ácaro Sarcoptesscabiei;
  • Pediculose: Esta doença é ocasionada pelo ácaro Pediculushumanus Capits.

Como se prevenir contra os parasitas

Normalmente a ivermectina é encontrada no formato de comprimidos, e basta ser ingerida a quantidade recomendada uma única vez para retirar os parasitas ou vermes do organismo. Contudo, após o uso da ivermectina, exames de fezes e avaliações clínicas devem ser realizados para confirmar a completa eliminação dos parasitas. Para ingestão da ivermectina, a bebida mais recomendada é a água, contudo não há restrição do seu consumo em conjunto com qualquer outra bebida não alcoólica.

Confira as dosagens corretas

dosagem-de-ivermectinaPara o tratamento da Estrongiloidíase, Filariose, Escabiose, Ascaridíase ou Pediculose é recomendada uma dosagem de aproximadamente 200 mcg de ivermectina por Kg de peso corporal do indivíduo. Confira a relação abaixo de Kg versus comprimido para se orientar melhor em relação à aplicação da dosagem correta:

  • Peso corporal de 15 a 24 kg -> ½ comprimido de ivermectina;
  • Peso corporal de 25 a 35 kg -> 1 comprimido de ivermectina;
  • Peso corporal de 35 a 50kg -> 1 ½ comprimidos de ivermectina;
  • Peso corporal de 51kg a 65kg -> 2 comprimidos de ivermectina;
  • Peso corporal de 66kg a 79 kg -> 2 ½ comprimidos de ivermectina;
  • Peso corporal de mais de 80 kg -> 200mcg/kg.

infecções-parasitáriasConforme citado acima, após o uso da dosagem única da ivermectina, é recomendado que o indivíduo submeta-se a exames de fezes e avaliações clínicas para acompanhar e certificar-se de que houve a eliminação total dos parasitas ou vermes. Além disso, para todos os casos é indicado o acompanhamento médico.

Para o tratamento de oncocercose, recomenda-se uma dosagem de ivermectina de aproximadamente 150 mcg por Kg de peso corporal. Ainda, após um intervalo de três meses é indicada uma segunda dosagem do medicamento, pois a ivermectina não elimina os parasitas onchocerca adultos. Confira a relação abaixo de Kg versus comprimido para se orientar melhor em relação à aplicação da dosagem correta:

  • Peso corporal de 15 a 25 kg -> ½ comprimido de ivermectina;
  • Peso corporal de 26 a 44 k -> 1 comprimido de ivermectina;
  • Peso corporal de 45 a 64 kg -> 1 ½ comprimidos de ivermectina;
  • Peso corporal de 65 a 84 kg -> 2 comprimidos de ivermectina;
  • Peso corporal acima de 85 kg -> 150 mcg/kg.

 

Como evitar novas infecções parasitárias

lavar-as-mãosAlgumas medidas simples de higiene podem ser adotadas no dia a dia para evitar infestações por parasitas, tais como:

  1. Cortar e manter as unhas limpas,
  2. Lavar as mãos antes das refeições
  3. Evitar andar com os pés descalços.
  4. Lavar os alimentos antes de consumir,
  5. Beber água filtrada ou fervida,
  6. Higienizar os utensílios domésticos
  7. Conservar os alimentos e depósitos de água com tampas ou cobertos.

O contato direto com pessoas que estejam em tratamento também pode evitar a infecção parasitária, assim como verificar constantemente se as pessoas da sua família ou de convivência próxima não estão infectadas. Por fim, é recomendado ferver as roupas íntimas, roupas de cama e roupas de banho das pessoas em tratamento e não compartilhar objetos pessoais, tais como: escova de cabelo, pentes ou presilhas.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.