Sintomas

Psoríase – Não ignore os sintomas e evite complicações

psoríaseEmbora seja uma doença que não apresenta sérios riscos, a Psoríase é uma doença auto imune, onde o organismo ataca a si próprio. Além de recorrente, seus sintomas não devem ser desconsiderados, e ainda que seja um tipo de doença de pele que tem como principal sintoma o surgimento de manchas avermelhadas com aspectos de “descamação”. Geralmente essas manchas vermelhas provocam coceira, dor ou queimação, sendo estes partes dos principais sintomas da doença.

Apesar da aparência e dos sintomas, a psoríase não é uma doença contagiosa, contudo é relativamente comum e apresenta um quadro de fácil tratamento, além de não proporcionar riscos à saúde do paciente.

Causas da doença

causas-da-psoríaseOs fatores que causam a psoríase ainda são frutos de muito estudo e pesquisa, e até o presente momento não há dados e informações concretas em relação à sua causa, contudo existem alguns elementos que maximizam as possibilidades de desencadear a doença, tais como:

  • Fatores genéticos, como histórico familiar;
  • O consumo frequente de bebidas alcoólicas;
  • O uso de cigarros – fumantes tendem a desenvolver a psoríase com mais facilidade;
  • O clima mais frio – o ressecamento da pele tende a ajudar a desenvolver o quadro da doença.

Existe ainda outra causa relacionada ao desencadeamento da doença, o estresse. O estresse é como um gatilho para o aparecimento de diversos tipos de doenças de pele e doenças imunológicas. Ainda, é importante destacar que as doenças Imunológicas são consideradas as principais causadoras de problemas de pele.

Conheça os principais sintomas e atente-se!

Os primeiros sintomas e o quadro de início da doença normalmente variam de paciente para paciente, porém tendem a ser facilmente observados:

  • o-que-é-psoríaseManchas avermelhadas com aspecto de descamação;
  • Pele ressecada ou rachada, que em casos mais sérios podem provocar pequenos sangramentos;
  • Problemas articulares, tais como dores, inchaço e rigidez nas articulações;
  • Problemas nas unhas, como unhas quebradiças e amareladas com um aspecto de fragilidade;
  • Coceira;
  • Queimação;
  • Dor

Cabe destacar aqui que somente um médico dermatologista poderá diagnosticar a doença. Embora alguns sintomas possam ser facilmente observados, um médico capacitado e especializado poderá realmente fazer um diagnóstico concreto e preciso da doença. Mesmo assim, ainda que o resultado desse diagnóstico possa ser simples e rápido de ser obtido, em alguns casos podem ser solicitados exames complementares.

Por fim, existem diversos tipos de psoríase, e isso destaca ainda mais a importância de consultar um médico dermatologista para realmente concretizar o diagnóstico da doença, possibilitando um tratamento baseado no seu quadro individual e específico de cada paciente.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.