Sintomas

Sintomas de gravidez, você conhece todos eles?

gravidez-mês-a-mêsIdentificar de cara, os primeiros sintomas da gravidez, não é tão simples quanto pode parecer. É preciso ter um autocontrole incrível, e conhecer muito bem o corpo para que isso possa acontecer. A começar que os primeiros sinais, podem ser confundidos com os sintomas da TPM (Tensão Pré-Menstrual). Portanto a identificação começa a ficar mais clara, a partir do atraso menstrual.

Até que ocorra o atraso, não é comum que a mulher desconfie, a menos que ela já esteja na tentativa de engravidar, ou conheça muito de perto as mudanças sutis no corpo, já nos primeiros dias. Para dar uma ajudinha às futuras mamães, vamos neste post, falar tudo sobre gravidez. Sintomas, exames, cuidados e até métodos para que a gravidez não aconteça inesperadamente.

Principais Sintomas da gravidez

A gravidez como sabemos, é o estado resultante da fecundação do óvulo pelo espermatozoide. O resultado da fecundação, é o desenvolvimento de um feto no útero por um período de nove meses, até a sua expulsão (nascimento). Durante o período da gravidez, o corpo da mulher passa por diversas transformações fisiológicas, que são naturalmente acompanhadas de determinados sintomas, dos quais iremos falar.

sintomas-gravidez-náuseas

  • Atraso da menstruação
  • Enjoos, náuseas e vômito
  • Aumento e dor nos seios
  • Cólicas e dores abdominais
  • Sensibilidade no paladar e no olfato, consequentemente, sensibilidade a cheiros;
  • Alterações de humor (sensibilidade, vontade de chorar e nervosismo)
  • Tonturas e sonolências;
  • Mudança de cor das aréolas dos seios
  • Vontade de urinar frequentemente
  • Corrimento rosado
  • Constipação intestinal e gases
  • Cansaço e inchaço

sintomas-da-gravidezTodos os sintomas acima podem acontecer, durante os nove meses da gestação, contudo, algumas mulheres, apresentam sintomas mais amenos. Deve-se considerar que cada gravidez, é única podendo na primeira você apresenta, inúmeros dos sintomas, e na próxima nenhum deles ou vice-versa.

Sinais de gravidez, podem aparecer logo nas primeiras semanas, após a relação sexual desprotegida, mas isso é coisa raríssima, uma vez que somente a partir da segunda semana após a fecundação, é que eles tendem a aparecer de forma mais evidente.

Alguns fatores devem ser considerados antes de anunciar a gravidez. Como os sintomas da TPM, são parecidos aos do início da gravidez, não deve ser descartado.

Sintomas de gravidez nos primeiros dias

Para você não ficar na dúvida, vamos conhecer os sintomas a cada mês de gestação. Como já se sabe, identificar nos primeiros dias é quase impossível, porque embora o atraso menstrual seja um sinal, pode acontecer, e é comum, haver um pequeno sangramento no início, o que faz com que a mulher, se confunda entre o ciclo menstrual e a gravidez. O mesmo acontece, ao parar o uso das pílulas anticoncepcionais, devido às alterações hormonais.

Sintomas de gravidez na primeira semana, podem ser sentidos se houver alguma questão psicológica relacionada, levando a mulher a sentir psicologicamente os sintomas de algo que não está acontecendo na realidade em seu organismo, essa é chamada gravidez psicológica.

1º mês de gravidez

fecundação-do-óvuloO normal é que os verdadeiros sintomas apareçam a partir do 1º mês, onde já se completam 4 semanas de gestação e o zigoto já começa a se formar, até então o que acontecia era o processo de fecundação.

Neste momento o corpo da mulher já começa a produzir o hormônio HCG que é o hormônio da gravidez. É ele quem permitirá as alterações que serão vistas através dos exames de sangue. A partir de então, ocorre o atraso menstrual, a sensibilidade, inchaço e dores nos seios. Nesse período é comum que se iniciem também os enjoos e a sensibilidade a cheiros.

Menstruação na gravidez não existe. No primeiro mês, ela pode ter um pequeno sangramento nada mais. Sentidos os sintomas e no tempo acima, chegou a hora de examinar se existe de fato, a gravidez. Como fazer isso? Através dos testes de farmácia ou exames laboratoriais de sangue e urina.

2º mês

importante-fazer-pré-natalNeste período, os hormônios estão a todo vapor, e sintomas que já estavam sendo perceptíveis, ganham intensidade. A sensibilidade mamária aumenta, os mamilos e lábios vaginais começam a ganhar uma tonalidade mais escura, salivação, vontade de urinar, dores de cabeça e sonolência podem também se acentuar.

Neste período, se ainda não descoberta, ficará muito claro nos exames, as alterações do HCG. É este período que despertam os desejos por comidas diferentes, assim como a renúncia a outros alimentos.

3º mês

Pré-natalEsse é aquele período em que a mulher começa a sentir que realmente está grávida, digamos que é quando a ficha cai. Ela passa a ter os sintomas com menos intensidade que antes, embora alguns deles permanecem até o final. Durante toda a gravidez, ela vai sentir vontades frequentes de urinar, isso porque a bexiga vai perdendo espaço, e os órgãos vão ficando mais apertadinhos. Corrimento nesse período é normal e as noites de sono, ficam mais tranquilas também.

O diagnóstico da gravidez

Para muitas, o sonho de se tornar mães, para outras, o susto com a notícia. A verdade é que a gravidez sempre chega acompanhada de fortes emoções, e não é para menos! É divino imaginar que está sendo gerada uma nova vida, um novo ser dentro de você. Bom, emoções a parte, vamos falar agora das formas como diagnosticar a gravidez. As formas de identificação são:

  • teste-de-farmáciaTestes de farmácia – Os testes de farmácia possuem um custo benefício muito bom. No caso dos testes de fitas, a suspeita pode se confirmar, ao mergulhar o palitinho na urina e aparecerem dois riscos. No caso de apenas um risquinho, considera-se que o teste deu negativo. Contudo, é melhor que se confirme a veracidade, fazendo outras opções de exames.
  • Exame de urina – Estes exames verificarão a quantidade de hormônio na urina. Se você não é uma pessoa muito ansiosa, pode optar por ele, mas lembre-se que o resultado pode demorar média de uma semana.
  • Exame de sangue – no exame de sangue, será analisada a quantidade de hormônios HCG (hormônio da gravidez) no sangue. Com margem minúscula de erro, ele aponta o grau elevado da alteração hormonal. Quase sempre ele é feito já no segundo mês de gravidez, que é quando a maioria das mulheres descobrem.

Precauções a se tomar durante gravidez

Gravidez é coisa séria, e deve ser acompanhada imediatamente após a confirmação. Se houver a suspeita, já se deve cuidar, para que caso se confirme, nada possa interferir na formação e geração. Prepare-se para uma sequência de cuidados:

  • atividades-para-gestantesManter uma alimentação saudável, é importantíssimo durante a gravidez. É através das vitaminas, proteínas e minerais, que o feto será alimentado e se desenvolverá.
  • Fazer o pré-natal corretamente, com os exames necessários no acompanhamento da gravidez, faz com que você se previna muitas doenças que podem inclusive afetar o bebê.
  • Fazer atividades físicas durante a gravidez, é uma excelente maneira de facilitar o parto. Há muitas atividades que são específicas para gestantes. Pilates e caminhadas são ótimas opções.
  • Bebidas alcoólicas jamais! Lembre-se que o feto se alimenta do mesmo que você.
  • Cigarro nem pensar!
  • Procure uma rotina sem estresse durante os meses de gravidez. Serenidade e segurança, tornarão os dias mais leves, principalmente no final, quando realmente é incomodo. As dores são mais intensas, as posições para dormir já são poucas, e o bebê já se movimenta muito, causando dores e desconfortos abdominais.

Você não quer engravidar?

Gravidez indesejada, não é o sonho de nenhuma mulher, contudo, embora estejamos muito cheios das informações sobre como evitar a gravidez, não é difícil encontrar alguém que se descuidou. Existem muitos métodos contraceptivos que ajudam você a evitar a gravidez e evitar também as doenças sexualmente transmissíveis (DST).

  • métodos-contraceptivosPreservativos;
  • Pílulas anticoncepcionais
  • Diu (técnica interina)
  • Contraceptivos injetáveis
  • Pílula do dia seguinte – Em último dos casos.

Uma dica de saúde para você: Nunca deixe de fazer a visita ao ginecologista regularmente, os exames de prevenção são extremamente importantes para a precaução de doenças.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.