Suplementos

Creatina – Para que serve e seus efeitos colaterais

A creatina é uma substância composta pelos aminoácidos metionina, arginina e glicina. O nosso organismo é capaz de sintetizar a naturalmente esta substância que também pode ser encontrada em alimentos como peixes, carnes vermelhas e através de suplementos alimentares. A maior característica da creatina é proporcionar o ganho de massa muscular, oferecendo mais energia ao corpo.

creatina

Pessoas adeptas a exercícios e treinos de musculação costumam consumir a creatina por causa do seu grande potencial de queima, oferecendo disposição ao invés de cansaço. Atletas e praticantes de atividades para ganho de massa muscular, normalmente optam pelo consumo da suplementação de creatina.

Indicações de consumo:

Nossos rins e fígado são capazes de sintetizar a creatina, isso faz com que ela não seja considerada como um nutriente essencial. A creatina é variável devido aos fatores que influenciam em sua síntese endógena. Esse processo facilita a formação de adenosina trifosfato, que contribui na contração e formação dos músculos. Esse nutriente é também responsável por outras funções em nosso organismo.

A principal indicação do uso da creatina é para pessoas que praticam atividesenvolvimento-dos-musculosdades físicas, principalmente para aqueles que praticam atividades que exigem muito esforço físico. Nas modalidades abaixo, é indicado o uso desse suplemento:

  • Levantamento de peso
  • Musculação
  • Jiujitsu
  • Muay thai
  • Futebol

É comprovado cientificamente que o uso de creatina ajuda no melhor desempenho em modalidades de curta duração, de alta intensidade e com intervalos curtos para recuperação. Pessoas vegetarianas e idosas também podem fazer o uso da suplementação de creatina.

Contra indicações

Algumas pessoas não devem fazer o uso de creatina:

  • Grávidas
  • Lactantes
  • Pessoas que estão fazendo o uso de diuréticos
  • Não é permitido o uso pediátrico
  • Pessoas que possuam alergias aos componentes da fórmula
  • Pessoas com quadros de desidratação
  • Pessoas com problemas renais

Como funciona e quais são as vantagens do uso

Você deve estar se perguntando, como afinal funciona a creatina no organismo não é mesmo? A verdade é que essa substancia começou a ser usada nos últimos anos como meio de melhorar o desempenho metabólico e o desempenho físico de atletas.

exercícios-físicos-intensos

A creatina age diretamente nas células que estão nas proximidades dos músculos, promovendo o crescimento delas. As células musculares, também conhecidas como células satélites. Elas são responsáveis por promoverem o maior ou o menor número de fibras. Ao aumentar o número de células satélites, a creatina potencializa o resultado dos treinos físicos.

A creatina será sintetizada no restante do organismo através da corrente sanguínea. Dessa maneira agirá produzindo energia corporal.

Em pesquisas realizadas, ficou comprovada a eficácia da creatina em pessoas que possuem atrofia giratória da retina e coroide.

Alguns outros benefícios devem ser citados, contudo, ainda é estudada a confirmação dessas afirmações. Acredita-se até então que a creatina é eficiente para:

  • Prevenir e tratar o mal de Alzheimer;
  • Prevenir e tratar o mal de Parkinson;
  • Prevenir a doença de Huntington;
  • Preservar a massa muscular em pessoas idosas

A suplementação correta – Como fazer?

suplementação-corretaEm pesquisas realizadas, o ideal é aumentar as reservas de creatina nos músculos nos três primeiros dias em até 0,03g por kg. Essa é considerada a maneira correta.

O consumo diário pode variar, contudo entre 3 e 5 gramas por dia. A Sociedade Internacional de Nutrição Desportiva (International Society of Sports Nutrition) é quem chegou a esses resultados, através de estudos e pesquisas. Para ela o consumo da Creatina pura, ou monoidratada, como também é conhecida, é o melhor tipo de creatina, e é o tipo mais eficaz e confiável. A creatina monidratada é a mais recomendada para uso.

Efeitos colaterais

Fazer o uso de suplementos alimentares, exige alguns cuidados e atenção. As dosagens devem ser corretas. Ao iniciar a suplementação com creatina, você logo notará mudanças físicas em seu corpo, e uma coisa que poucos conhecem é a eficácia da creatina sobre a inteligência, a prevenção ao envelhecimento precoce e o fortalecimento dos ossos. Mas apesar de seus benefícios, alguns efeitos colaterais podem fazer aparecer:

  • suplemento-alimentarA retenção de líquidos;
  • Problemas como disfunção renal;
  • Alterações no funcionamento do fígado
  • Náuseas
  • Diarreias
  • Problemas cardíacos
  • Dores estomacais

É claro que maior parte das pessoas não apresentam os sintomas de efeitos colaterais. O excesso diário no consumo do suplemento é que se incumbirá de desencadear os sintomas acima prescritos.

Deve-se estar atento as dosagens de creatina uma vez que o excesso pode causar a disfunção renal e toxinas no fígado. Ainda estão em estudos os mitos e verdades sobre o uso da creatina inclusive o uso desse suplemento para treinos físicos. Até então a creatina é o suplemento mais indicado e dado como seguro para quem pratica esportes e exercícios de musculação.

A sociedade Internacional de Nutrição, entende que a creatina deve estar associada a treinos e não oferece riscos, por isso ela afirma que:

  • Seria ideal que atletas mais jovens fizessem a troca dos esteroides pela creatina;
  • A creatina pura ou monoidratada é a melhor e mais eficaz para auxiliar no aumento da massa muscular magra durante treinos;
  • A suplementação de creatina previne lesões, trata e previne algumas doenças e condições e sobretudo, não é ilegal.
  • A creatina é o melhor e mais indicado suplemento para melhorar o desempenho físico.

Vale reforçar, que todos os benefícios do uso da creatina, somente são reais se a suplementação é feita da maneira correta, e preferencialmente deve ser iniciada com o auxílio de um profissional.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.